rasmollogo

Dando início à série de postagens que pretendo fazer sobre o Raspberry Pi, hoje vou começar a mostrar os testes realizados com alguns aplicativos voltados à Química (e, de preferência ao Ensino de química).

Vou deixar o vídeo para quem tiver mais pressa e, logo após, algumas explicações e detalhes técnicos.

Como prometido, leia os detalhes na sequência do post:

Primeiro, vou comentar sobre o processo de busca/instalação de softrwares:

O procedimento básico em qualquer sistema operacional (SO) Linux baseado no Debian é usar o aplicativo APT (Advanced Package Tools).

Exemplo:

apt-cache search chemistry

rasp 1

rasp 2

sudo apt-get install rasmol

rasp 3

A opção que eu consegui testar com sucesso na tela TFT do meu Frankenstein (que é como chamo o computador portátil que montei com o Raspberry Pi)  foi o Rasmol.

Dentre os vários formatos de estutura molecular que o software é capaz de abrir, eu escolhi o formato PDB (Protein Data Bank).

Fui ao site do PDB (http://www.pdb.org) e digitei hemoblobin na caixa de buscas.

hemoglobin_1_

E cliquei no menu indicado na próxima imagem para baixar o arquivo pdb para o disco.

hemoglobin_2

Abri o Rasmol e selecionei esse arquivo para visualização.

rasp_4

rasp_5

rasp_6

O resto está no vídeo. 🙂

Espero que tenham gostado, pois pretendo continuar com meus experimentos usando o Raspbeery Pi.

 

 

Anúncios