Diário de um Químico Digital 3.0

Química, TICs e outras treconologias. :)

Qual é o veneno mais venenoso do mundo? — 29/11/2010

Qual é o veneno mais venenoso do mundo?

496px-botulinum_toxin_3bta

É a toxina botulínica, uma proteína produzida pela bactéria Clostridium botulinum, causadora do botulismo, intoxicação alimentar rara, mas que pode ser fatal. O poder mortífero de um veneno é medido pela chamada “dose letal 50” (DL50), que é a quantidade capaz de matar, em até 14 dias, metade de uma população de animais usados para teste. No homem, a DL50 da toxina botulínica é de apenas 0,4 nanograma por quilo – um nanograma equivale a um bilionésimo de grama. Ou seja, para aniquilar um jovem de 50 quilos, por exemplo, seria preciso apenas irrisórios 20 nanogramas do composto! Há milhares de tipos de veneno – que podem ter origem animal, mineral, vegetal ou ser produzidos em laboratório -, e, ao longo da história, vários têm sido usados para matar. Confira a lista das substâncias mais letais que existem – e fique longe delas!

Conheça outras substâncias na sequência do post! (continua lendo, vai!)

Continue lendo

Anúncios
Joguinho para passar o findi – Nuclearoids — 28/11/2010

Joguinho para passar o findi – Nuclearoids

Vi a dica no Sedentário. Aproveito para copiar deles a descrição do joguinho:

Um jogo online de reação em cadeia. Em Nuclearoids, seu objetivo é explodir todos os núcleos atômicos destacados no começo de cada nível, clicando em apenas um deles para iniciar a reação.

A brincadeira é uma referência a reações nucleares em cadeia, onde um núcleo atômico instável pode ser bombardeado por um nêutron, por exemplo, e ao se desintegrar lança mais nêutrons que por sua vez desintegram outros núcleos. Conceito um tanto complicado de expressar e entender em palavras, mas que o joguinho online deve transmitir em questão de segundos. A reação de desintegração, ou fissão dos núcleos, se feita do modo certo se torna uma reação em cadeia até que todos os núcleos, ou boa parte deles, tenha se dividido. Em um material radioativo e com uma massa significativa, a reação pode rapidamente liberar enormes quantidades de energia, no que conhecemos como bombas atômicas.

No joguinho, inofensivo, as primeiras fases são bem fáceis. É porque a matéria está de certa forma próxima da “massa crítica”, na qual a reação em cadeia pode ocorrer mesmo espontaneamente. Clicando em praticamente qualquer núcleo se assiste a um show de luzes. À medida que as fases vão avançando, criar uma reação em cadeia vai se tornando mais difícil.

O jogo não chega a ser uma lição de física nuclear, e inclui “nuclearoids” com comportamento muito diferente de qualquer núcleo atômico conhecido – não que aqueles mais comuns sejam realmente modelos fiéis de átomos reais. Além da diversão, contudo, têm toda essa bagagem intuitiva a conceitos mais complicados. A natureza é ainda mais rica em complexidade e atividade que os momentos mais brilhantes desse joguinho.

 

O joguinho original se encontra aqui.

Nanoputianos (nanoputians), o que são? — 25/11/2010

Nanoputianos (nanoputians), o que são?

Segundo o pai dos burros digital, os nanoputianos são:

 

 

Nanoputianos são uma série de moléculas cuja fórmula estrutural lembra seres humanos. James Tour e colaoradores (Universidade de Rice) desenvolveram e sintetizaram esses compostos em 2003 como parte de uma disciplina de educação química para jovens estudantes. Os compostos consistem de dois anéis benzênicos conectados via alguns poucos átomos de carbono (que fazem o papel de corpo), quatro unidades de acetileno carregando um grupamento alquila nas extremidades (fazendo o papel de mãos e pernas), e um anel 1,3-dioxolano como cabeça.

Existem vários nanoputianos já sintetizados: nanoatleta, nanoperegrino, etc. Colocando-se um grupo tiol nas pernas do nanoputiano é possível fixá-los em superfícies de ouro.

O nome deriva de “nano” (em escala de 10^-9m) e liliputiano (os habitantes minúsculos da ilha de Lilliput, do livro de Jonathan Swift “As viagens de Gulliver“).

A seguir, alguns exemplos de nanoputianos para vocês se divertirem:

 

 

 Nano

Nanokid (nanogaroto)

 

 

 

Nanobailarino

 

Casal nanoputiano

Um polímero nanoputiano

Nanobuda

Tem mais informações aqui, aqui e aqui.

Moléculas com nomes e formas “divertidas” — 18/11/2010
Daniel Radcliffe canta “The elements song” —
Quanto açúcar tem nos alimentos: um guia visual — 17/11/2010

Quanto açúcar tem nos alimentos: um guia visual

Achei esse post faz um tempinho nesse link aqui.
(O link original pode ser acessado aqui.)
Não precisa de muita explicação, pois a quantidade de açúcar presente nos diferentes alimentos é exibida na forma de torrões de 4 g cada um.
Media_httpwwwsugarsta_ncqma
Gostou? Tem mais na sequência do post. (Continua lendo, vai!)
Como colar usando Coca-Cola (ráááá) — 14/11/2010

Como colar usando Coca-Cola (ráááá)

Estou escrevendo esse post para dar uma força a uma das minhas fontes de consultas mais importantes, o TRETA

Eles tiveram um problema com os links deles no final de semana passado e estão pedindo a ajuda de toda a internerd para reconquistar posições no ranking dos blogs mais acessados da rede.

Como eu sou um amigão do Ivo Neumann (mentira!) eu resolvi kibar um post antigo dele só para dar essa força.

Abaixo, uma sequência de fotos que ensina como colar usando um rótulo de Coca-Cola!

212121-600x1650

Seguiremos na terça com a programação (quase) normal desse blog!

 

P.S.:Visitem a seção Gambiarra Labs do Treta, vocês vão gostar!

Como funcionam as bolhas de sabão — 13/11/2010

Como funcionam as bolhas de sabão

Estava lendo o OMEDI ontem e vi esses dois belos vídeos:

Daí, pensei comigo: “por quê não escrever sobre como funcionam as bolhas de sabão?”

Então, meio sem tempo como estou eu saí à caça de um texto explicativo e ao mesmo tempo interessante na internet.

Encontrei esse que passo a traduzir livremente na sequência do post:

Continue lendo

Molécula do dia – DMT (dimetiltriptamina) — 09/11/2010

Molécula do dia – DMT (dimetiltriptamina)

NOME : N,N-DimetIltrIptamina
NOME QUÍMICO : N,N-DimetIl-1H-indolo-3-etanamina
NOMES QUÍMICOS ALTERNATIVOS : 3-[2-(dimetilamino)etil]indol, DMT
FÓRMULA QUÍMICA C12H16N2
MASSA MOLAR 188.27
PONTO DE FUSÃO 44.6-46.8°C (116°F) (cristais)
PONTO DE EBULIÇÃO 60-80°C (cristais)

Ocorre naturalmente nas plantas com propriedades alucinógenas. É isolada das folhas da prestonia amazonica 

Quimicamente, a molécula da N,N-DMT é um produto químico psicoativo da família da triptamina, a qual causa intensos efeitos psicodélicos mentais e visuais quando fumada, injetada, inalada, ou quando tomada em conjunto com outras drogas.

A N,N-DMT é chamada apenas de “DMT”, apesar desse nome causar confusão com a 5-MeO-DMT.

Ela está presente em milhares de espécies de plantas e tem sido usada tradicionalmente na América do Sul em bebidas à base de Ayahuasca desde antes da chegada dos europeus por essas terras (há relatos de uso datados do século VIII d.C).

Ela vem ganhando publicidade na mídia devido aos fortes efeitos alucinógenos que a ela são atribuídos.

O isolamento químico aconteceu por volta de 1950. Os consumidores dessa droga dizem que “a sensação de ter sido capturado por um raio” acompanha o uso dela. Ainda mais, dizem  “é como se o mundo tivesse sido substituído instantaneamente, como se um mundo alienígena tivesse surgido no lugar deste”.

Relatos médicos dão conta de que a experiência com a DMT é de curta duração, mas incrivelmente intensa. Há relatos de usuários que dizem ter sido capturados por alienígenas ou que visitaram outros mundos. Alguns mudam profundamente suas perspectivas ontológicas, na percepção das coisas e até mesmo de identidade.

Eu penso que nenhuma dessas drogas que andam por aí devam ser experimentadas, nem mesmo com fins terapêuticos. Devido à intensidade dos efeitos da DMT, sugiro ainda menos o seu consumo. Deixem isso para a ciência estudar, não saiam por aí querendo “viajar” na DMT, as consequências podem ser muito graves. 🙂

Em geral, de 10-60 segundos após a inalação a pessoa já está sob efeito intenso da droga. a duração da viagem vai de 5-20 minutos. Alguns usuários reportaram uma duração de até duas horas. Normalmente, o usuário da droga acha difícil de se recompôr do efeito da droga por até um dia após a inalação.

A inalação pode causar forte irritação da traqueia e dos pulmões. O uso prolongado pode levar ao desenvolvimento de ansiedade, dificuldades de concentração, preocupação com a experiência vivida, dificuldade para dormir, etc.

O uso dessa dorga pode ser potencializado se a pessoa ingere outros medicamentos em associação, como anti-depressivos, por exemplo.

Eu ia escrever muito mais sobre essa dorga, mas acho que com o que eu recolhi de informações aqui nesse post vocês já puderam ter uma boa ideia do quanto essa substância ilícita pode ser danosa ao organismo.

O que eu quero não é fazer apologia ao consumo desse narcótico e sim alertar o pessoal que acha que só porque a droga dá um “barato” ela é legal, ou que consumir uma droga que não está na mídia (e essa está, pois fiquei sabendo dela por um programa de televisão) faz com que a pessoa seja “cool” ou descolada.

Essa substâncias são perigosas e podem destruir vidas, se você que caiu aqui no blog atrás desse texto está pensando em consumi-la, peço encarecidamente que pense um milhão de vezes antes de acender um cachimbo (ou seja lá o que for que se use para fumar essa porqueira).

Tá, e podem me chamar de careta ou de velho, mas eu não fumo nem cigarro normal por saber que tem muita substância química nociva ali na folha de fumo.

EDIT: Esta não é a molécula do crack, é um alucinógeno que está tomando conta do mercado e é extremamente poderoso. Escrevi sobre ele para alertar e não para estimular o consumo!
Sacolas plásticas no lixo do banheiro? Nunca mais! —

Sacolas plásticas no lixo do banheiro? Nunca mais!

Os amigos do blog Bio OsFeras postaram uma dica ótima no Facebook.

Trata-se de uma forma de parar de utilizar sacolas plásticas no lixo do banheiro.

No vídeo abaixo é mostrada uma forma de utilizar jornal para acomodar aquele incômodo lixo de papel higiênico usado e, ao mesmo tempo, preservar o ambiente.

Só assistindo pra entender, espero que gostem da dica.

%d blogueiros gostam disto: